Forno tubular laboratório

Clique nas imagens para ampliar

Por sua versatilidade, e pela diversidade de aplicações para os mais diversos testes, o forno tubular laboratório é uma ferramenta indispensável nas atividades de pesquisa e desenvolvimento de produtos em quase qualquer ramo de indústria.

O forno tubular laboratório tem aplicações para pequenas amostras, colocadas em recipientes metálicos ou cerâmicos, que se apoiam no tubo e podem ser carregados e descarregados por suas extremidades.

Pequenos corpos de prova também formam uma carga ideal para o forno tubular laboratório, em ensaios de sinterização, perda ao fogo, calcinação, bem como para reproduzir condições de tratamento térmico em peças metálicas.

Para cada faixa de temperatura de trabalho é possível selecionar um forno tubular laboratório  para a aplicação desejada.

Assim, com a marca Lindberg Blue M , Thermo Scientific oferece os seguintes modelos:

  • Forno tubular laboratório modelo Mini Mite, para a faixa de  temperatura de trabalho de 100°C a 1100°C, com câmara bipartida permitindo um bom acesso para posicionamento do tubo.
  • Disponível para tubos com 1 “ de diâmetro e 305 mm de comprimento
  • Forno tubular laboratório modelo Split Hinge, para a faixa de temperatura de trabalho de 100°C a 1200°C, com câmara bipartida e flanges e luvas em fibra cerâmica, para apoio e centralização do tubo de trabalho.
  • Disponível para tubos com diâmetro de 1” a 6”,  comprimento de 12” ou 24”.
  • Forno tubular laboratório de múltipla aplicação, para a faixa de trabalho de 500° C a 1500° C, com gabinete de controle de temperatura integrado, tubos de 1” a 3” de diâmetro e comprimento de  12”.

Elementos de aquecimento de carbeto de silício.

Forno tubular laboratório , para a faixa de trabalho de 500° C a 1700° C, com gabinete de controle de temperatura independente, tubo de 1” a 3” de diâmetro e comprimento de  12” ou 24”

ELEMENTOS DE AQUECIMENTO DE DISILICIETO DE MOLIBDÊNIO.

Todos os fornos possuem sistemas de controle de temperatura que podem incluir programador e comunicação externa para supervisão e registro de cada ciclo efetuado.

Todos os modelos são revestidos com peças de fibra cerâmica moldadas a vácuo, resultando em baixa inércia térmica, sendo possível obter taxas de aquecimento e resfriamento elevadas.

Para saber mais sobre Forno tubular laboratório

Ligue para 11 4152-3610 ou clique aqui e entre em contato por email.

Gostou? compartilhe!

Solicite um orçamento